FATOS QUE MARCARAM O BRASIL NA DÉCADA DE 2000

ACONTECIMENTOS IMPORTANTES NO BRASIL

No Brasil, a década de 2000 ficou marcada como a década em que a esquerda política brasileira teve um representante seu eleito presidente do país, através de um legítimo processo democrático. O presidente eleito foi Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições de 2002, após quatro tentativas anteriores, e reeleito em 2006. Também foi época de casos de corrupção, como o caso Waldomiro Diniz, o “Mensalão”, escândalos envolvendo José Sarney e a governadora do Rio Grande do Sul Yeda Crusius sobre o DETRAN, e também o Escândalo do Mensalão no Distrito Federal.

Em 27 de outubro de 2002, Lula foi eleito presidente do Brasil, derrotando o candidato apoiado pela situação, o ex-ministro da Saúde e então senador pelo Estado de São Paulo José Serra do PSDB. No seu discurso de posse, Lula afirmou: “E eu, que durante tantas vezes fui acusado de não ter um diploma superior, ganho o meu primeiro diploma, o diploma de presidente da República do meu país.”

Em 29 de outubro de 2006, Lula é reeleito no segundo turno, vencendo o ex-governador do Estado de São Paulo Geraldo Alckmin do PSDB, com mais de 60% dos votos válidos. Após esta eleição, Lula divulgou sua intenção de fazer um governo de coalizão, ampliando assim sua fraca base aliada. O PMDB passa a integrar a estrutura ministerial do governo.

A eleição do Cristo Redentor como uma das Sete Maravilhas do Mundo e a visita do Papa Bento XVI também marcaram a década no Brasil, além da descoberta da camada pré-sal, da produção de biocombustíveis e da auto-suficiência em petróleo. O Brasil ganhou destaque internacional com polêmicas envolvendo o Golpe militar em Honduras em 2009 e a recepção de Mahmoud Ahmadinejad, presidente do Irã que nega a existência do holocausto e apóia a política de pena de morte para homossexuais em vigência no seu país. A reeleição de Fernando Collor de Mello também causa polêmica.

Fonte: Mega Times e Klima Naturali
Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Posts Relacionados