NOVA ESPÉCIE DE MOSQUITO AMEAÇA O COMBATE DA MALÁRIA NO QUÊNIA

Tags


Cientistas encontraram inseto que carregava parasita causador da doença. Espécie é considerada potencialmente perigosa por viver ao ar livre. Cientistas descobriram no Quênia uma nova espécie de mosquito do gênero Anopheles, considerado agente transmissor da malária. A descoberta representa um grande desafio na guerra contra a doença, principalmente na província de Nyanza, onde é grande o número de infectados.

A pesquisa feita pela London School of Hygiene & Tropical Medicine, publicada no jornal "Emerging Infectious Diseases" deste mês, foi realizada no Planalto de Kisii e encontrou a espécie potencialmente perigosa, que ataca principalmente no período da noite

Segundo a publicação, o novo inseto já é considerado uma grande ameaça, uma vez que iniciativas de proteção já existentes, como a aplicação de inseticidas e uso de redes para camas tratadas com veneno, não abrangem o mosquito recém-descoberto.

Os pesquisadores montaram armadilhas para capturar exemplares do mosquito e conseguiram identificá-lo utilizando técnicas de sequenciamento de DNA. De acordo com Jennifer Stevenson, autora do estudo, a espécie nova carregava parasitas da malária. Ela afirma que o inseto é potencialmente perigoso, porque vive ao ar livre e pode fugir das atuais formas de controle e prevenção da doença.